JÓIAS SINTÉTICAS E NATURAIS. QUEM MAIS SAI NO PREJUÍZO? AS NOIVAS,CLARO.

“Enquanto a questão dos diamantes sintéticos não é nova, tornou-se mais prevalente nos últimos dois anos e meio, os relatos de produtos sintéticos não revelados, que entraram no mercado sob pretexto de pedras naturais. Em meados de 2012, o Instituto Internacional de Gemologia (GII) recebeu várias centenas de deposição de diamantes sintéticos em seus laboratórios de Antuérpia e Mumbai, com certificado de diamantes naturais. Mais uma vez, em 2013, houve relatos persistentes de que grandes quantidades de diamantes sintéticos produzidos em laboratório, estavam sendo misturados com diamantes naturais.” Diamonds.net.

Por Andrew Topf-editado p/ Cimberley Cáspio

diamantesReator de carbono que produz diamante sintético,no laboratório do INPE,em São José dos Campos (SP) . Foto: Jailton Garcia- http://www.redebrasilatual.com.br

O uso de sintéticos, ou diamantes feitos em laboratório, desafiou a indústria do diamante natural. Embora a produção de gemas sintéticas,já exista há 65 anos, ainda é baixa em comparação com pedras naturais.

Apenas 1 a 2 em cada 100 quilates vendidos é um sintético,será? Varejistas de diamantes temem seu uso em jóias de diamante natural, sem divulgação.

O analista de diamante,Paul Zimnisky, no entanto, diz que os principais obstáculos para os sintéticos fazerem incursões no mercado natural, estão fixados no preço e distribuição, ao contrário de outras pedras preciosas,como rubis, esmeraldas e safiras – onde sintéticos podem vender com até 90 por cento de desconto em relação aos naturais. Já os diamantes sintéticos de alta qualidade, só podem ser negociados em torno de um desconto de 2 a 20 por cento, diz Zimnisky .

Enquanto ele acredita que há espaço para alargar à margem, Zimnisky diz que, “as elevadas barreiras da indústria à entrada, devido ao elevado investimento de capital e os custos de P & D, vão limitar o ritmo de avanços de qualidade e taxas de crescimento de capacidade.No entanto, há potencial do cliente de diamante,ficar indiferente e ser persuadido por um preço relativamente mais baixo, se o acesso ao produto for conveniente o suficiente. Ele não vê o sintético como ameaça significativa ao mercado de diamantes naturais,por enquanto.

Na minha opinião, os preços dos produtos sintéticos ainda não são atraentes o suficiente para converter o cliente indiferente, independente do produto não ser ainda tão acessível o suficiente. Até que haja pelo menos um caso de exibição dedicada a produtos sintéticos nas cadeias nacionais em lojas de departamento, o alcance dos sintéticos pode ser limitado a ser apenas a de um item especial.” Sei não…

Fonte : MINING.com – Paul Zimnisky – paul@zimnsky.com – Diamonds.net

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s