“DEUSA GADHIMAI” PROSPERA OS “ABUTRES” DO NEPAL.

Por Cimberley Cáspio

abutres 02
Foto: Barcroft Media/Getty Images |

Segundo artigo publicado no jornal O Estado de São Paulo de autoria de Tharoor Hishaan,para o Washington Post, a realidade oculta do Nepal,não é diferente de muitos países na África e até mesmo no Haiti. Enquanto o mundo se desdobra para ajudar,um místico macabro de oportunidade se abre para os “abutres” do Nepal,o poder político do país,e seus poderosos clãs,que tem objetivos outros,e não o mesmo que à Comunidade Internacional se empenha arduamente e com extrema dificuldade de total infraestrutura de tudo.

A ganância pelo poder nepalês, cega totalmente o foco em relação às necessidades urgentes da população pobre sobrevivente do desastre. E como país escravagista,onde se registra 270 mil escravos,divididos em casta,o horizonte dessa população,dificilmente testemunhará o nascer de um novo sol,uma nova esperança,pois sabem que assim que a poeira baixar e as televisões internacionais partirem,o chicote voltará a bater nos lombos dos escravos nepaleses. E lógico,ninguém pode fazer nada,e as dificuldades continuarão.

No momento,o poder nepalês se recolheu,devido o grande número de jornalistas e estrangeiros no país trabalhando no resgate,onde ao mesmo tempo,se aproveita do papel de vítima para angariar os recursos financeiros que chegam de vários países do mundo, para fazer “caixa”. E claro,assim como no Haiti,tais recursos nunca chegarão à população. Serão usados sim,nos propósitos políticos e particulares das classes dominantes. E quanto mais mortos os resgatistas encontrarem,maior a possibilidade dos recursos internacionais irem aumentando.

Sendo assim, o poder político nepalês,não vê os mortos como tragédia,e sim,como grande oportunidade de captação de recursos,tanto em valores,como materiais,que sem o terremoto,teriam que arcar com seus próprios recursos que não são poucos,a fim de alimentar os egos,luxos e divergências políticas rivais.

A coisa funciona como os crocodilos do rio Mara,na migração dos gnus. Assim como os olhos do mundo vê à situação como uma tragédia,para os “crocodilos”,quer dizer,os “abutres” do Nepal, é o momento mais esperado. Uma migração de recursos internacionais significativos,caindo direto no colo deles. É o que eles tanto aguardavam da “deusa gadhimai”, após o abominável sacrifício de sangue realizado em novembro do ano passado.

Como se vê,a “deusa gadhimai” parece ter aceitado o sacrifício macabro, e está prosperando os “abutres” do Nepal,porém o preço cobrado é alto,muito alto.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s