UCRÂNIA : VAI ENCARAR O FRIO SEM CARVÃO,OU SE RENDER?

Por Cimberley Cáspio

Foto: exame.abril.com.br

Assim como o inverno no leste europeu na segunda guerra,foi fundamental para o início da derrota da Alemanha,esse mesmo inverno nos dias de hoje, parece que vai alterar as desavenças políticas da Ucrânia com a Rússia,e quem sabe,terminar “a guerra civil.”

Com os estoques de carvão diminuindo,e sem saber a quem recorrer,tendo pela frente o rigoroso inverno,não restará alternativa ao governo ucraniano,dar um intervalo nos entreveros e negociar com os rebeldes,atuais controladores das jazidas.Se não for possível,terão que negociar direto com a Rússia,que também cortou o fornecimento.

Tiros e mísseis,atingem quem está no campo de batalha,mas com o frio,o buraco é mais embaixo,mata todo mundo,até quem manda soldados pra guerra,protegido no conforto do gabinete militar.Afinal de contas,comandante também tem mulher e filhos.E mesmo que estejam longe do teatro de operações,se não tiverem energia suficiente para aquecimento,morrerão.

Vendo por esse lado,a Ucrânia precisando de carvão,e o mesmo entrando em escassez,e com o frio rigoroso já sobre as cabeças,não restará alternativa que seja hastear a bandeira branca e negociar os termos com o inimigo.Se quiserem continuarem vivos e quentinhos.

Claro,é do interesse de Putin a anexação da Ucrânia,assim como a volta do grande Império Soviético.E com a faca e o queijo na mão,com certeza,Putin vai trocar umas ideias com os “rebeldes”(militares russos),os quais, vão lhe obedecer,e a guerra vai terminar,com a Ucrânia sob controle russo.

A alternativa é essa mesmo,pois a Europa não vai poder ajudar a Ucrânia; além da crise do euro pela qual está passando,todos os países do continente estão focados na manutenção energética pra não se congelarem.Recentemente a Alemanha travou um diálogo ríspido com o governo sueco,exigindo à manutenção do fornecimento de carvão pro país. Tudo,menos morrer de frio.

Homem contra homem é uma coisa.Mas homem contra a natureza,a coisa muda de figura.E naturalmente se sabe que se tentar lutar contra a natureza,não chegará nem ao final do primeiro hound.

Sendo assim,em relação a Ucrânia,o melhor mesmo é parar a guerra,botar as barbas de molho,fazer as pazes e se aquecer.

Fonte : Andrew Topf – MINING.com

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s