FIFA : AUTORIDADES E LEIS,DEIXAM DE EXISTIR,QUANDO OS INTERESSES DO SISTEMA PASSAM A SER PRIORIDADE.

Por Cimberley Cáspio

O GRANDE CHEFÃO

Nos tempos antigos,o juiz era escolhido e nomeado pelo Sacerdote da Nação.Hoje,sendo a escolha e nomeação pelas vias políticas,é muito difícil exercer o trabalho da justiça de forma plena,de forma justa.

Contra o povo,julgar e condenar,é um trabalho confortável e sem constrangimentos.Mas quando a coisa pende para membros da mesma instituição,ou cúpula do governo,aí o buraco é mais embaixo,a coisa fica feia demais, e difícil de dar prosseguimento;pois não será o caso de fazer justiça e sim,de se segurar no emprego,na carreira…Garantir a poupuda aposentadoria e proteger sua própria vida. Haja vista,o Ministro Joaquim Barbosa,ter recebido até ameaça de morte.Se a ameaça era séria ou não,não importa; a ameaça aconteceu.Por interesses bem menores, aconteceu com a juíza Patrícia Acioli,em agosto de 2011,em Niterói,por que não,com Joaquim Barbosa,onde os interesses são bem maiores? E aí,o constrangimento atinge um grau bem mais elevado,pois os “criminosos” cobram do juiz,a falta de gratidão,devido a nomeação ter acontecido por intermédio e empenho dos que, por esse mesmo juiz, foram processados e condenados.

O Ministro Joaquim Barbosa,até que tentou levar o trabalho a sério,de forma altruística e independente,mas quando se lembrou de que ele estava mandando pra cadeia,aqueles,que o conduziu ao STF,e mais tarde,a presidência da mais alta Corte do país,ficou complicado. Então teria que escolher entre,permanecer como fantoche,ou jogar a toalha,pois como traidor e mal agradecido,já está marcado.

Por outro lado,a FIFA através da Lei Geral da Copa,alterou leis brasileiras; e até o final do evento,está com poder para prender,processar e condenar por até 3 anos,qualquer cidadão dentro do território nacional,que venha infringir as regras impostas pelo economista suíço,Joseph Sepp Blatter.

Essa poderosa intromissão da FIFA no sistema político e legal do país,apenas para a realização de um campeonato de futebol,vem provar,que as instituições e a soberania,na verdade,são apenas cenários de um grande “teatro”,onde as pseudo autoridades,como:presidente,senadores,deputados,ministros,desembargadores,juízes,governadores,etc,nada mais são do que atores deste “teatro” denominado Brasil.

A arrogante intromissão da FIFA no sistema político e legal do país,simplesmente ridicularizou,desmoralizou;onde diante desse quadro revelador,podemos então afirmar que toda decisão,promulgação e sentenças judiciais,praticadas até agora,são nulas; pois,se as “autoridades” brasileiras,não puderam impedir essa gravíssima intromissão,permitindo a concretização dos intentos da instituição estrangeira de futebol,na soberania e leis do país,está provado realmente que nunca tivemos autoridades,e sim,atores.Em que as instituições nacionais de Justiça,Legislativo e Executivo,nada mais são do que departamentos de cenários.

Desse dia em diante,podem continuar fazendo leis,promulgando,criando súmulas,processando,prendendo,condenando…Enfim,a FIFA provou por a+b,que autoridades e leis,deixam de existir,quando os interesses do Sistema passam a ser prioridade.

Vendo tudo isso,digo que foi sábia a decisão do Ministro Joaquim Barbosa se aposentar.Não vale mais a pena. A FIFA ridicularizou,desmoralizou.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s